Cloridrato de Ambroxol – Para que serve? Como funciona?

Para que serve o xarope Cloridrato de Ambroxol

O xarope Cloridrato de Ambroxol serve para o tratamento das doenças broncopulmonares (brônquios e pulmões) agudas e crônicas para facilitar a expectoração (soltar o catarro do peito) quando houver acúmulo de secreção.

Como funciona o xarope Cloridrato de Ambroxol

O Cloridrato de Ambroxol xarope favorece a expectoração, ou seja, ajuda na eliminação do catarro das vias respiratórias. Este medicamento também alivia a tosse e desobstrui os brônquios.

Cloridrato de Ambroxol possui um leve efeito anestésico local, aliviando a irritação da garganta associada à tosse com catarro.

O início de ação ocorre em até 2 horas após o uso.

Como tomar o xarope Cloridrato de Ambroxol

Meça a quantidade correta utilizando o copo dosador.

Este medicamento pode ser ingerido com ou sem alimentos.

O xarope Cloridrato de Ambroxol possui duas apresentações, adulto e pediátrico. As recomendações mais comuns de uso para cada apresentação são:

Xarope Pediátrico

Crianças abaixo de 2 anos

2,5 mL, duas vezes ao dia, de 12 em 12 horas. Não exceder a dose máxima diária de 5 mL do xarope.

Crianças de 2 a 5 anos

2,5 mL, três vezes ao dia, de 8 em 8 horas. Não exceder a dose máxima diária de 7,5 mL do xarope.

Crianças de 6 a 12 anos

5 mL, três vezes ao dia, de 8 em 8 horas. Não exceder a dose máxima diária de 15 mL do xarope.

A dose de Cloridrato de Ambroxol xarope pediátrico pode ser calculada à razão de 0,5 mg de Ambroxol por quilograma de peso corpóreo, 3 vezes ao dia.

Xarope Adulto – Adultos e adolescentes maiores de 12 anos

5 mL, três vezes ao dia, de 8 em 8 horas. Não exceder a dose máxima diária de 15 mL do xarope.

Este regime é adequado para o tratamento de doenças agudas do trato respiratório e para o tratamento inicial de condições crônicas até 14 dias.

Agite bem o frasco antes de usá-lo.

Embora essas sejam as recomendações mais comuns, siga sempre a orientação médica, mesmo que seja diferente desta dosagem.

Este medicamento somente deve ser administrado a pacientes pediátricos menores de 2 anos de idade sob prescrição médica.

Siga a orientação médica para saber os horários, as doses e a quantidade de tempo de tratamento com esse medicamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Lembre-se, nenhum medicamento deve ser usado sem prescrição e receita de um profissional da saúde qualificado.

Caso se esqueça de tomar o xarope Cloridrato de Ambroxol em algum dia, ou alguma dose recomendada tome assim que possível. No entanto, se estiver próximo do horário da dose seguinte, siga com os próximos horários. Nunca duplique a dose.

Veja também: Filinar (Acebrofilina) Xarope – Para que serve? Como funciona?
Veja também: Forteviron – Para que serve? Como funciona? Engorda?

como tomar xarope cloridrato de ambroxol posologia

Contraindicações do Cloridrato de Ambroxol – Xarope

Evite o uso caso tenha sensibilidade ou alergia aos componentes constante na fórmula desse medicamento.

Evite o uso também caso tenha intolerância hereditária à frutose (devido à presença de sorbitol na formulação, que se transforma em frutose no organismo). Neste caso, o médico deverá analisar os riscos em relação aos benefícios do produto.

O Cloridrato de Ambroxol xarope adulto e pediátrico contém 12 g de sorbitol por dose diária máxima recomendada (15 mL). Se você tiver intolerância à frutose, não deve usar este medicamento. O Cloridrato de Ambroxol xarope pediátrico pode causar leve efeito laxativo.

Se você tiver insuficiência renal, deverá consultar um médico antes de usar este medicamento.

Fertilidade, Gravidez e Amamentação

Não há evidências de efeitos nocivos deste medicamento sobre a fertilidade.

O Cloridrato de Ambroxol passa para a placenta e pode chegar ao bebê em gestação, mas não há evidências de efeitos prejudiciais ao bebê. O uso do xarope de Cloridrato de Ambroxol não é recomendado principalmente durante os três primeiros meses de gravidez.

O cloridrato de ambroxol passa para o leite materno. Mesmo que não seja esperado nenhum efeito desfavorável para a criança amamentada, este medicamento não é recomendado se você estiver amamentando.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Pessoas idosas

Pessoas idosas devem fazer uma avaliação médica para o uso do xarope Cloridrato de Ambroxol ou qualquer outro medicamento. Devido a maior sensibilidade que possuem, é importante que converse com seu médico para que ele adeque a dosagem, caso necessário.

Este medicamento não deve ser utilizado em crianças menores de 2 anos de idade.

Não use medicamentos sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Efeitos colaterais e reações adversas

Há relatos de muitos poucos casos de lesões cutâneas graves associadas a substâncias expectorantes como o Cloridrato de Ambroxol, que na maioria das vezes é explicada pela gravidade de outras doenças ou medicação concomitante.

Durante a fase inicial dessas lesões, o paciente pode apresentar sintomas inespecíficos semelhantes ao de gripe, como febre, dores no corpo, rinite, tosse e dor de garganta e, confundido por estes sintomas, pode ocorrer de iniciar o tratamento com medicação para tosse e resfriado.

Assim, se aparecerem manchas na pele com placas elevadas, coceira e descamação na pele, por precaução, você deve interromper o tratamento e procurar um médico imediatamente.

Não foram realizados estudos sobre efeito do xarope de Cloridrato de Ambroxol na capacidade de dirigir e utilizar máquinas.

Não há evidências sobre o efeito na capacidade de dirigir e utilizar máquinas com base em dados da pós-comercialização.

As reações adversas do xarope Cloridrato de Ambroxol são:

Reações adversas comuns (ocorre entre 1% a 10% dos pacientes):
  • Disgeusia (alteração do paladar)
  • Hipoestesia da faringe (diminuição da sensibilidade da faringe)
  • Náusea (enjoo)
  • Hipoestesia oral (diminuição da sensibilidade da boca).
Reações adversas incomuns (ocorre entre 0,1% a 1% dos pacientes):
  • Vômitos
  • Diarreia
  • Dispepsia (indigestão)
  • Dor abdominal
  • Boca seca.
Reações adversas raras (ocorre entre 0,01% a 0,1% dos pacientes):
  • Garganta seca
  • Erupção cutânea (surgimento de manchas, coceira, placas elevadas, descamação na pele)
  • Urticária (placas vermelhas e elevadas na pele e com coceira)
Reações com frequência desconhecida:
  • Reação/choque anafilático
  • Hipersensibilidade (alergia)
  • Edema angioneurótico (inchaço dos lábios, língua e garganta)
  • Prurido (coceira).

Informe ao seu médico ou farmacêutico o aparecimento de reações adversas pelo uso do xarope Cloridrato de Ambroxol. Informe também a empresa através de seu serviço de atendimento.

Interação com outros medicamentos

Não são conhecidas interações medicamentosas do xarope de Cloridrato de Ambroxol com outros medicamentos.

No entanto, sempre informe seu médico sobre outros medicamentos que esteja usando.

como tomar cloridrato de ambroxol funciona

Superdosagem

Até o momento não se conhecem sintomas específicos de intoxicação por dose excessiva de Cloridrato de Ambroxol xarope.

Com base em superdose acidental e/ou relatos de erros na medicação, os sintomas observados são os efeitos adversos conhecidos de Cloridrato de Ambroxol nas doses recomendadas e pode ser necessário tratamento sintomático.

No entanto, caso ocorra, a ingestão de quantidades maiores do que o recomendado e haja alguma reação adversa notada, consulte o mais rápido possível um profissional da saúde qualificado. Leve a embalagem e a bula do medicamento.

Em caso de intoxicação ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Cuidados e precauções e armazenamento

Mantenha o xarope de Cloridrato de Ambroxol em um local afastado da luz do sol e da umidade. Conserve em temperatura ambiente (entre 15º a 30º) para evitar alterações em sua consistência.

Se observar alguma alteração no medicamento, tais como mudança na cor, no cheiro ou na textura, não faça uso do xarope de Cloridrato de Ambroxol e procure um farmacêutico para verificar sua integridade.

Sempre verifique a data de validade na embalagem do produto, jamais use um medicamento se a data de validade estiver vencida.

Siga sempre as orientações de uso do medicamento, nunca excedendo a quantidade recomendada pelo seu médico.

Mantenha qualquer medicamento longe do alcance de crianças.

Não desaparecendo os sintomas, procure orientação de seu médico ou cirurgião-dentista.

Preço do xarope de Cloridrato de Ambroxol

O preço do Cloridrato de Ambroxol xarope, independente da apresentação varia entre R$ 5,00 a R$ 20,00.

A variação costuma estar relacionada com a embalagem do medicamento, a quantidade de xarope no frasco, a apresentação, a cidade e o local onde este é comercializado.

Dados técnicos e aparência

Xarope adulto – 30 mg/5 mL

O Cloridrato de Ambroxol xarope adulto é um líquido de aspecto límpido, com sabor e odor de hortelã/framboesa, isento de partículas e impurezas.

Frasco contendo 100 ou 120 mL, acompanhados de copo de dosador.

Uso adulto e pediátrico acima de 2 anos de idade.
Uso oral.

Componentes: Cada 5 mL do xarope adulto Cloridrato de Ambroxol contém 30 mg de cloridrato de ambroxol*.

*Equivalente a 27,4 mg de ambroxol.

Veículo: sorbitol, glicerol, propilparabeno, metilparabeno, ácido cítrico, essência de framboesa, essência de hortelã, água purificada.

Laboratório EMS S/A

Xarope pediátrico – 15 mg/5 mL

O Cloridrato de Ambroxol xarope pediátrico é um líquido de aspecto límpido, com sabor e odor de framboesa, isento de partículas e material estranho.

Frasco contendo 100 ou 120 mL, acompanhados de copo de dosador.

Componentes: Cada 5 mL do xarope pediátrico Cloridrato de Ambroxol contém 15 mg de cloridrato de ambroxol*.

*Equivalente a 13,7 mg de ambroxol.

Veículo: sorbitol, glicerol, propilparabeno, metilparabeno, ácido cítrico, essência de framboesa, água purificada.

Laboratório EMS S/A